sexta-feira, 15 de maio de 2009

Inocência

Gostava de voltar a ter 6anos, no tempo em que jogava futebol com todas as garrafas de Yoggy que encontrava pelo chão, em que achava que todos os desenhos que fazia eram obras de arte e em que eu era o dono do Mundo, um Mundo perfeito em que passava o dia a brincar e onde eu nao permitia que entrassem os meninos maus do 4ºano (eles bem tentavam entrar mas o meu "primo" acabava sempre por, duma forma violenta, faze-los arrependerem-se). Infelizmente, esses tempos já passaram, a minha idade triplicou e o Mundo transformou-se numa coisa que eu não controlo minimamente. O meu corpo cresceu, a minha mente evoluiu mas o meu coração ficou exactamente igual, não evoluiu nem um pouco e continua a acreditar que todas as pessoas são boas e incapazes de me magoar! Infelizmente, algumas magoam, sem o saberem é certo, mas magoam! Ainda se eu fosse capaz de dizer "por favor, não faças isso! isso magoa-me imenso!". Mas não sou! , e essa dor perpetua-se por longos periodos! Sim, sou idiota e ingenuo, mas não o controlo! Como se costuma dizer, não é defeito, é feitio!

Sem comentários: