quinta-feira, 9 de junho de 2011

.
Eu um dia vou te perceber. Um dia vou analisar todas as tuas atitudes e hei-de chegar a alguma conclusão sobre todo o teu comportamento. 
Tu tens fases, tanto és uma pessoa bastante amável como no dia a seguir és completamente fria. No entanto isso não é falsidade, eu vejo nos teus olhos e no teu sorriso a honestidade de uma pequena criança quando és amável. Complicado. Comparas-me com a tua ex-melhor amiga dizendo que em certos pontos sou igual a ela e assim "justificas" o teu afastamento, mas eu nunca convivi com ela e acho que para ti nunca tive tanta importância como um "melhor amigo". Alternas entre dias em que te lembras dos belos momentos do passado e os recordas comigo e a fria indiferença daqueles dias em que finges que não me conheces, nem nunca conheceste! É complicado e é triste. Foste, sem duvida, das pessoas mais agradáveis que já conheci e uma das que me mais marcou. Espero que voltes, não digo que seja hoje nem amanhã, mas gostava que um dia voltasses e que nesse dia fizesses da minha companhia algo agradável e regular para ti.  

Sem comentários: