sexta-feira, 19 de julho de 2013

   Quanto mais conheço as pessoas, mais adoro... AS PESSOAS!

   Que me perdoem os animais, mas haverá algum ser mais imprevisível e interessante que o ser humano? Nós somos capazes das maiores crueldades e bondades, actos que são "embelezados" pelo simples facto de os realizarmos de forma racional. E não há nada mais fascinante do que pensarmos todos de maneiras diferentes e sermos surpreendidos todos os dias com atitudes e actos que pensávamos serem impensáveis (quer pela negativa, quer pela positiva).
    Numa sociedade que nos tenta tornar cada vez mais iguais, dentro de uma "normalidade" ditada por "alguém superior", é bonito observar que as pessoas continuam a insistir na diferença!

 
   "Desvia-te, não te adaptes!
    Vem por esta via,
    Há mais fascínio nessa diferença que te caracteriza!"



4 comentários:

Amy disse...

r: Obrigada pelo apoio! *

Amy disse...

r: Agradeço e o mesmo para ti :)

Catarina. disse...

obrigada (:

disse...

oh, tens toda a razão! quem mais que nós é capaz de todos aqueles atos de amor voluntários? os animais limitam-se a dar continuidade à espécie, nós vamos mais longe e tornamos essa continuidade muito mais bonita, não achas?